CSS Light Web Gallery

02/09/2019 | REUNIÃO-ALMOÇO

Prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, defende a união entre os municípios da Serra Gaúcha

A Serra Gaúcha foi o foco central da reunião-almoço dessa segunda-feira (2). O prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin foi o palestrante. Ele também é presidente da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (AMESNE), que representa 36 municípios da região da Serra Gaúcha.

Durante a palestra, Guilherme destacou sua trajetória como prefeito de Bento Gonçalves e seus desafios. Ele foi o mais jovem prefeito do muncípio, com 29 anos. “Eu provavelmente peguei a situação mais grave da história da cidade, um verdadeiro caos. O começo não foi fácil, mas pensei que poderíamos fazer a diferença”. Essa diferença, ele explica, estava centrada em três questões básicas, senda elas, planejamento, envolvimento pessoal e foco no resultado.

O prefeito destaca que a realidade do município começou a mudar quando a gestão trabalhou no dever de casa e na aposta em parcerias. “Criamos uma estratégia ousada de captação de recursos externos e investimos muito no desenvolvimento de projetos, além de apostar em parceria política e comunitária”, explica Guilherme.

Guilherme afirma que a vida de uma cidade não é dos políticos. “O governo não é meu, a administração é municipal. Princípios e valores, não se negociam, mas governo se discute e ações são construídas em conjunto”, destaca Pasin. Para ele, a função de um prefeito é atrair a sociedade organizada a colaborar com o município. “Vejo muito mais sentido no prefeito como líder da sua comunidade, do que como chefe do Poder Executivo”, ele revela.

Guilherme fez um paralelo entre o trabalho realizado na cidade de Bento Gonçalves e os municípios gaúchos. “A trajetória de Bento é uma, os municípios como um todo fazem o que podem, mas isolados conseguimos muito pouco”, observa o prefeito. Segundo ele, as regiões têm mais força política do que os municípios sozinhos.

E acrescenta, “além de força política, as regiões são propicias para compartilharem experiências e soluções”. Para exemplificar, ele citou o projeto regional e integrado de segurança pública, criado pelo Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Serra Gaúcha (CISGA), onde os municípios membros participariam de um cercamento eletrônico em conjunto. 

Para finalizar, ele destacou que os municípios estão trabalhando em conjunto nas pautas regionais, como por exemplo, a implantação efetiva da região metropolitana da Serra Gaúcha, acesso a asfalto em todos os municípios membros da AMESNE, a construção do Porto de Arroio do Sal e a construção do aeroporto regional, entre outras. “Estamos falando de desenvolvimento, de escoamento de produção, de atração de turistas, alguns analistas dizem que vivemos a era do distanciamento, mas o que vim semear aqui é mais diálogo, mais construção e mais unidade”, completa o prefeito de Bento Gonçalves.

Fonte: Raquel Carvalho

Outras Notícias