CSS Light Web Gallery

Homenagens com a medalha da CIC

29/10/2018 | MEMÓRIA

CIC presta homenagem póstuma a Francisco Stedile

Filhos e neta do ex-presidente receberam honraria entregue pela atual gestão da entidade - Foto: Julio Soares/Objetiva
Filhos e neta do ex-presidente receberam honraria entregue pela atual gestão da entidade - Foto: Julio Soares/Objetiva

Durante a reunião-almoço desta segunda-feira (29), a Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) prestou uma homenagem in memoriam a seu ex-presidente Francisco Stedile, que presidiu a entidade nos anos de 1981 e 1982. Fundador da Fras-le, Agrale, Lavrale e outras empresas, Stedile participou ativamente da entidade e de outras importantes instituições de Caxias do Sul.

Os filhos de Francisco Stedile, Alfredo, Vera, Carlos e Franco, e a neta Fúlvia receberam a Medalha e Diploma da CIC das mãos dos presidentes dos Conselhos Executivo da CIC, Ivanir Gasparin, Superior, Dagoberto Lima Godoy, e Deliberativo, José Quadros dos Santos, que é entregue a personalidades em reconhecimento ao papel que exerceram ou exercem para o desenvolvimento da classe empresarial.

Em nome da família, Vera Stedile Zattera agradeceu à CIC a homenagem ao pai e contou a trajetória do empresário desde a juventude, quando comprou seu primeiro caminhão e passou a atuar no ramo de transportes rodoviários. Natural de São Marcos e filho de Valentim e Giuseppina Stedile, Francisco Stedile casou-se com Amábile Zanandrea Stedile, com quem teve cinco filhos.

Além da CIC, foi presidente do clube de futebol profissional SER Caxias, cujo estádio hoje leva o seu nome. Dentre as inúmeras condecorações que recebeu estão o “Mérito Industrial” da Fiergs/Ciergs, o troféu “Homem do Aço”, da Associação do Aço do Rio Grande do Sul, o título de Líderes e Vencedores, da Federasul, e o troféu “O Administrador do Ano” da Associação dos Administradores da Região Nordeste do RS. Do Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores recebeu a distinção “Pioneiro no Setor de Autopeças”.

Fonte: Assessoria de Imprensa da CIC - Jornalista Marta Guerra Sfreddo (MTb6267)