CSS Light Web Gallery

09/04/2018 | REUNIÃO-ALMOÇO

Festa da Uva está sendo planejada para proporcionar experiências diferentes aos visitantes

Sandra Randon, presidente da Comissão Comunitária, palestrou na CIC sobre preparativos para o evento do próximo ano - Foto: Julio Soares/Objetiva
Sandra Randon, presidente da Comissão Comunitária, palestrou na CIC sobre preparativos para o evento do próximo ano - Foto: Julio Soares/Objetiva

A próxima edição da Festa da Uva, que vai ocorrer de 22 de fevereiro a 10 de março de 2019, está sendo concebida para oferecer aos visitantes uma imersão cultural e festiva desde os portões. A afirmação é da presidente da Comissão Comunitária, Sandra Randon, convidada da reunião-almoço da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) nesta segunda-feira (9). Sandra falou sobre o planejamento para a realização da festa, como a escolha do trio de soberanas, no próximo dia 19 de maio, e os temas que nortearão a organização dos pavilhões. Ainda de acordo com ela, a presença na CIC teve por objetivo mostrar que há uma festa em curso que precisa do apoio de toda a comunidade.

Sandra começou sua palestra relembrando as festas passadas e afirmou que esta comissão quer ser marcada como a grande contadora da história do evento, resgatando as suas origens. “Temos muita história para contar. Nosso trabalho é costurar essa história de tal forma que contagie a todos, começando por nós, caxienses”, argumentou a presidente da Festa da Uva.

Sandra revelou que o planejamento do evento está sendo feito em cima de quatro pilares que, segundo ela, estão representados no cartaz da festa: a gastronomia, o comércio, a diversão e o passado e o presente. Proporcionar uma experiência diferente ao visitante é o objetivo de tudo que está sendo pensado como atração. “A festa já começou”, enfatizou Sandra ao relacionar as atividades realizadas até agora, incluindo o roteiro do pré-concurso para eleição das soberanas. “Ninguém quer realizar algo que seja prejudicial à cidade. Todos nós queremos acertar. Para e pela comunidade”, disse a presidente da Comissão Comunitária.

Fonte: Assessoria de Imprensa da CIC - Jornalista Marta Guerra Sfreddo (MTb6267)

Downloads

Outras Notícias